31 de outubro de 2012

Dramas da burguesia

Hoje, a diversão no departamento foi ler os comentários de pessoas que enfrentam o furacão Sandy, nos Estados Unidos.


Em reportagem do Jornal Folha de São Paulo, intitulada "Sandy mata 39 e inunda cidades nos EUA", veiculada na página A15, Pedro Granado Martines, empresário do setor de construção diz que "está faltando camareira no hotel e não trocaram as toalhas". 

Ana Cláudia Rocha, funcionária pública, também parece sofrer demaaaaaaaaaais da conta com a situação: "Não deu nem para fazer compras na Apple! Parece que só as lojinhas de comerciantes asiáticos estão funcionando. Comprei macarrão e salsicha lá" (é que coreano tem o couro duro, não desiste por qualquer ventinho não, né Aninha...)

Tanto problema no mundo, e eu aqui incomodada com a minha calcinha apertada... tsc, tsc, tsc... 

Enfim... é divertido saber que a burguesia também sofre!

29 de outubro de 2012

Guarda-roupa ou Bat Caverna?

Tem gente que pensa em umas coisas tão legais, né?


Olha só esses cabides da designer Veronika Paluchova! Eles são simplesmente muito legais! Feitos em plástico, os morceguinhos garantem um visual inusitado e único a qualquer guarda-roupa. A ideia dispensa explicações: de asinhas fechadas, descansando na caverna, é quando não tem roupa pendurada; precisou usar, basta abrir as danadas. O site dela infelizmente não dá informações sobre onde podem ser encontrados, nem quanto custam.  



Essas fotos eu achei no site Bem Legaus que, segundo o autor, é o endereço das coisas bem legais. Já o tinha citado em outro post, e, de fato, tem coisas legais por lá.

27 de outubro de 2012

Aniversário especial - 100 anos de bondinho

Inaugurado em 1912 após dois anos de construção, o Bondinho liga, atualmente, a Praia Vermelha ao Morro da Urca e, este, ao Pão de Açúcar. Percorrendo uma distância total de aproximadamente 1.300 metros nos dois trechos, o Bondinho é um dos cartões postais mais famosos do Rio de Janeiro e do Brasil.

A embarcação, inicialmente feita de madeira, deu lugar ao teleférico de alumínio, em 1972. Erguido por cabos de aço, a ideia que causa tanto encantamento já foi encarada como uma loucura. Em 1909, quando o engenheiro Augusto Ferreira Ramos apresentou o audacioso projeto, foi difícil convencer os investidores de que as cúpulas de madeira poderiam viajar entre duas famosas montanhas, transportando pessoas.

Três anos depois, lá estava o teleférico carioca, que de tão parecido com um bonde, ganhou o apelido de bondinho.

Após a reforma, os bondinhos ganharam cristal azulado e visão panorâmica e passaram a transportar 75 pessoas a cada quatro minutos.

Atualmente, a primeira linha tem 528 metros e vai até o topo do Morro da Urca. A segunda linha, com 396 metros, leva até o alto do Pão de Açúcar. Lá de cima, até onde os olhos enxergarem, o Rio se apresenta em 360 graus.

E essa paisagem se tornou um ícone, uma marca da cidade da Cidade Maravilhosa. Hoje é impossível falar em Rio de Janeiro sem lembrar do bondinho do Pão de Açúcar.

Coisas do meu país...   :)

26 de outubro de 2012

Vôlei da minha cidade é o melhor do mundo

Dois meses depois da conquista do bicampeonato olímpico em Londres 2012, com a seleção brasileira, Sheilla, Jaqueline, Thaísa, Adenízia e Fê Garay deram um show em quadra e garantiram a Osasco seu primeiro título mundial de clubes.

O campeonato foi conquistado na última semana em Doha, no Qatar, após vencer o atual campeão mundial Rabita Baku, do Azerbeijão, por 3 sets a 0, parciais de 25/16, 25/14 e 25/17, e conquistar o primeiro ouro de Osasco na história da competição. 


Este é o único título que faltava na galeria da invejável equipe pentacampeã brasileira e tetracampeã sulamericana. A conquista do Mundial, no entanto, foi difícil. Na edição de 2011, o Osasco conquistou a terceira colocação, quando bateu o Mirado, da República Dominicana, na disputa pelo bronze. O time foi ainda vice-campeão em 2010, quando perdeu para o Fenerbahce, então comandando pelo treinador José Roberto Guimarães. Agora, o Sollys Osasco se tornou também a terceira equipe brasileira a vencer um Mundial de Clubes. O Sadia/São Paulo foi campeão em 1991, enquanto o Leite Moça/Sorocaba subiu ao lugar mais alto do pódio em 1994.


E para comemorar a conquista, as meninas de ouro e a equipe técnica do Sollys/Osasco foi homenageada com a entrega de troféus e um almoço com a toda a imprensa da região. Foi bem legal...

Primavera no chão

Hoje o jardim do local onde eu trabalho amanheceu assim, com as flores, que deveriam estar na árvore, todas no chão, e com uma temperatura inacreditavelmente alta para a estação.

A primavera deveria tomar o lugar que, por direito, é seu!
                 

24 de outubro de 2012

Feia, mas legal


Popularmente conhecida como “cara de macaco”, a orquídea drácula simia tem todas as feições de um primata: olhos, nariz, boca e uma juba. Pouco conhecida, a raridade cresce em áreas de difícil acesso, a uma altitude de mil a dois mil metros, nas selvas equatoriana e peruana. Apesar de outras espécies também serem conhecidas como orquídea macaco, a simia é a que possui a semelhança mais espetacular.

Geralmente são plantas que precisam de umidade constante nas raízes, temperatura sempre inferior a 25 graus e baixa luminosidade, então seu cultivo é mais indicado para locais frios. São plantas que crescem muito bem e com facilidade formando grandes touceiras quando as citadas condições são atendidas. Por outro lado são muito delicadas e de maneira nenhuma toleram seca e calor, uma semana de calor ou seca écapaz de acabar com uma enorme planta cultivada adequadamente por muitos anos. Um dia de calor excessivo faz também que todos os botões e flores murchem imediatamente.

São feinhas, mas não são muito interessantes?



E, se a flor pode se parecer com um bicho, o bicho também quis se parecer com a flor...

Esse inseto é chamado de louva-a-deus orquídea, e nem preciso explicar o motivo. Natural da Tailândia e Malásia, ele é um mestre na arte da camuflagem. Chega até a ser bonitinho, mas eu não gostaria de encontrar um nas minhas plantinhas...

23 de outubro de 2012

Tons reais de cinza

A triste vista da minha janela, hoje

"E lá pelas tantas a chuva desceu. Pesada, carregando folhas, trazendo vento, fazendo barulho, como se quisesse espantar o Sol e o calor exagerado da segunda. Hoje o dia jogou fora os lápis de cor que gastou todo ontem e veio só com o cinza. De fato, aquela tarde estava escandalosamente azul".

Texto extraído do blog Pitanga Doce

22 de outubro de 2012

Coisas que valem a pena

Já faz quase uma semana que fui ao show do Jair Rodrigues, mas ainda não tinha tido tempo de preparar este post (na verdade, não tinha tido tempo de salvar o vídeo, porque demora bastante), mas mesmo atrasada, quero deixar registrado que cada segundo do show de duas horas de duração valeu a pena.

Fantástico!



16 de outubro de 2012

Desafio

Hoje, conversando com minha amiga Ana Clara, fui intimada convidada a fazer parte de seu projeto: almoçar durante 30 dias em franquias de grandes restaurantes, mas comendo apenas salada. Achei um projeto meio caro, e então brincando, disse que participaria da versão pobre, comendo somente a salada que compraria na feira.

A ideia tomou corpo e vamos, as duas, tentar levar adiante. Ela começou ontem e eu, como já havia almoçado hoje, começo amanhã. Para registrar essa tentativa, criamos os blogs 30 dias de Xepa e Saladas das Franquias, meu  e dela, respectivamente.

Quem vem com a gente?

15 de outubro de 2012

Em manutenção

Eu queria, só nesses dias,
estar sozinha,
ficar sozinha,
falar sozinha,
cantar sozinha,
não ter que sorrir,
nem me desculpar pelas farpas que ando soltando.
Queria estar onde ninguém me conhece,
onde não saibam que meu jeito, de fato, não é esse
para que não me estranhassem.
Tudo isso ao mesmo tempo em que sei
que um colo não me faria mal.
E queria, sobretudo,
não ferir as pessoas que eu amo.
Perdoem-me e se puderem, relevem.
Acho que preciso fechar para balanço.

14 de outubro de 2012

Acerca de 50 tons de cinza

Nesse fim de semana, incluindo o feriado de sexta-feira, li 50 tons de cinza. Minhas expectativas em relação ao livro eram um tantinho altas porque ele me havia sido muitíssimo recomendado. Confesso que elas não foram superadas. Aliás, não foram nem atingidas.

A obra é quente - bastante quente. Muito sexualizada, mas longe de ser sensual. Também não vou dizer que achei vulgar, isso não, de jeito nenhum. O problema, na minha opinião, é que a leitura é previsível, não aguça  os sentidos, apesar do conteúdo tórrido.

Lembrou-me aqueles romances da coleção Júlia, Sabrina e Bianca que vendia em banca de jornal e que a gente lê escondido quando é pré-adolescente (a mulherada sabe do que eu falo... rsrs).

Achei muita vela pra pouco defunto... rsrsrs

Não me convenceu.

12 de outubro de 2012

O Dia das Crianças aqui em casa

Dia das Crianças tem que ter bolo! Aqui teve um monte e, para completar, teve também brigadeiro de potão! Acho que ficou a contento...


   



E os de cenoura cresceram pra valer!!!

Lindos, lindos... :)

Um pro Vítor e um pra Marina!

Bom comercial 6 - Hellmann's

A Hellmann's completa esse ano, 50 anos de atuação no Brasil e, para comemorar, lançou uma campanha bem bonitinha. Assisti ao comercial ontem pela primeira vez e a definição é essa mesmo: bonitinho.

Nada de especial, mas resolvi postar porque a propaganda faz alusão a um vídeo da canção Oração, que eu adoro (bem batidinho, mas adorável).

Assim, posto os dois...

 

11 de outubro de 2012

Presença de Espírito

Meu filho anda me surpreendendo com algumas respostas interessantes.
Dias desses, disse que ia juntar dinheiro para comprar um computador. Eu, no auge da praticidade, argumentei que não precisava disso - que já temos um computador.
E ele, muito espontaneamente, respondeu:
"_ Mãe, eu quero um computador... Não esse notebook da Xuxa!!"



De fato, é tão pequeno, quase do tamanho da minha mão. E também é fato que ele não é lá muito potente... 
E o menino não perdoa! rsrsrs

O doce aniversário da Lê

Letícia, filha da minha amiga, fará 14 anos na próxima semana e, para receber as amigas, quis os cupcakes mais fofos do planeta, feitos por mim, claro... rsrsrs





 


    

Menininho inteligente

"_ Mãe, hoje uma barata voadora entrou pela janela.
  _ Conseguiu matar?
 _ Consegui, mas era tão grande que no começo eu achei que era um pássaro. Nos nossos esgotos deve conter Urânio!"

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-o-

O que essas crianças andam aprendendo na escola???
Ainda bem que eu tenho esse herói em casa!

9 de outubro de 2012

Casinha

Recebi um e-mail informando o andamento da obra do meu apartamento, tão desejado e esperado. Muito bom ver um sonho tomando formas... :)

 

8 de outubro de 2012

Tem remédio?

Já andei choramingando aqui no blog por ter tido, na última semana, dias bem estranhos. Acordo triste e à medida que o dia vai passando, esse incômodo só aumenta. O coração vai apertanto, até faltar o ar... 

Talvez seja cansaço; restinho de TPM; culpa por um comportamento ruim que tive com alguém que me é muitíssimo precioso, pelo qual  ainda sinto as consequências; ou só a ansiedade pela chegada da nova casa... Quem vai saber, se eu mesmo não consigo identificar a fonte desses dias tão tristinhos?...


Mas aí, no meio desse caos emocional, os amigos estão por perto e oferecem bom almoço e boa companhia.

Não cura, mas ajuda a distrair por algumas horas... 



     

O passo despretencioso dos Beatles

No último sábado, "Love me do" completou 50 anos desde a data de seu lançamento. Apesar de a bandinha engomadinha, de cabelo estranho, só fazer sucesso 2 anos depois, oficialmente os Beatles cantaram aos presentes do Cavern Club a despretenciosa canção rabiscaba por Paul McCartney, e depois terminada por Lennon, em 1962.

                                      

Em Liverpool, o mesmo pub em que os garotos lançaram sua primeira música ofereceu um fim de semana bem atrativo. De carona, a EMI lança, em novembro (dia 13), o vinil da nova remasterização dos álbuns dos Beatles, de 2009. 

Para mim, os Beatles começaram com Yesterday. Acho que começa mais ou menos assim para todo mundo da minha geração que, ainda bem nas fraldas já ouve os singles mais evidentes, e depois vai se embrenhando pelo caminho da banda a fim de conhecer um tiquinho mais. Então, descobre que a bandinha estranha precisa... deve...  necessita... ser referência a todo aspirante a astro. E descobre também que, junto com Yesterday, vem todo o conjunto da obra.

O fato é que não dá para negar que o som da gaitinha vinha para mudar o rock'n roll bem além das fronteiras inglesas. E para quantas gerações ainda?

Outras estampas...

A execução das lembrancinhas de casamento que entreguei no sábado foi uma novela, mas acabou dando tudo certo, exceto pelo fato de que o tecido de poás com o qual eu estava encapando os caderninhos acabou na quinta-feira e, para não deixar a noiva nervosa, eu improvisei com o que tinha em casa.

A bem da verdade, ficou até mais bonita que as feitas com o tecido de bolinhas...



                                  

E aproveitando o tecido, a boneca da Marina ganhou vestido novo!

                                   

 

4 de outubro de 2012

Dia de Santo

Só para lembrar o dia de São Francisco de Assis, santo de minha simpatia, celebrado hoje, 4 de outubro...

Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz.
Onde houver ódio, que eu leve o amor;
Onde houver ofensa, que eu leve o perdão;
Onde houver discórdia, que eu leve a união;
Onde houver dúvida, que eu leve a fé;
Onde houver erro, que eu leve a verdade;
Onde houver desespero, que eu leve a esperança;
Onde houver tristeza, que eu leve a alegria;
Onde houver trevas, que eu leve a luz.
Ó Mestre, fazei que eu procure mais
consolar, que ser consolado;
compreender, que ser compreendido;
amar, que ser amado.
Pois, é dando que se recebe,
é perdoando que se é perdoado,
e é morrendo que se vive para a vida eterna.

2 de outubro de 2012

Um dia daqueles!

Ainda bem que o dia só tem 24 horas, porque hoje estou tendo um dia daqueles! Dormi mal, tenho um febrão, não consegui autorização para uma pauta cujos textos tenho que entregar no início da semana e de quebra meu sapato resolveu me boicotar assim, no meio do expediente.

Não bastasse isso já ser bem irritante, some o fato de eles terem sido comprados ontem!

Parece ruim? E ainda faltam 8 horas para acabar...



1 de outubro de 2012

5 minutos de fama

Tem gente que não tem mesmo o que fazer, e isso quase nunca é problema nosso. Torna-se nosso quando um desocupado da vida resolve obter 5 minutos de fama, e para isso interrompe o trânsito da região central da 4ª maior cidade do Estado, desloca homens da Guarda Civil Municipal, dos Bombeiros, da Polícia e da Imprensa para estrelar seu show.

Foi o que aconteceu nesta tarde, no viaduto metálico de Osasco.






Foto: Aloísio Maurício

Enfim, prontas...

Vivian e Rafael se casam no próximo sábado e eu já estava bem atrasada com as lembranças que ela escolheu para dar aos seus convidados. Trata-se de mini-agendas com capas forradas à tecido, bem trabalhosas de serem feitas. Parecem simples, mas o elástico que a mantém fechadinha é de difícil colagem, o tecido precisa ser aplicado com muito cuidado para não ficar enrugado e a colagem da fita de cetim e das pedrinhas de cristal exigem bastante delicadeza.

Por isso, fazê-las demorou mais do que eu havia previsto, mas deu tempo!!!

Eis o resultado...